Embalagem de alumínio garante aroma e sabor do café

Sacos de alumínio e embalagem a vácuo preservam a qualidade do café por até um ano

A ausência de ar nas embalagens de alimentos, possibilitada pela tecnologia de envase a vácuo, impede a deterioração e aumenta o prazo de validade dos produtos. No caso do café, o processo tem como aliado o alumínio, elemento essencial para a conservação de aroma e sabor por até um ano.

Desde 1970, a indústria nacional utiliza o processo a vácuo para embalar o café, fornecido em saco laminado com 15% de alumínio,  acondicionado em caixas de papel cartão. A Melita foi a primeira marca a chegar nos supermercados.

“A boa embalagem é fundamental para preservar os aromas do café por mais tempo. Isso é essencial para a qualidade. O alumínio tem elevada resistência e impede a penetração de oxigênio, o que preserva o café, além de ser adequado para dar a forma ao pacote (tijolo)”, explica Nathan Herszkowicz, diretor-executivo da ABIC – Associação Brasileira da Indústria de Café.

“40% das embalagens de café no País são a vácuo”

De acordo com Herszkowicz, o maior consumo de café no Brasil ainda é o de embalagem de almofada, por ser mais barata e porque os consumidores conseguem sentir o aroma quando apertam a embalagem.

Hoje 40% dos produtos disponíveis nos supermercados são embalados a vácuo, mas a tendência é de aumento do consumo. “O processo a vácuo conserva melhor o café, o que determina o crescimento da preferência entre os consumidores”, conclui o diretor da ABIC.

 

Um comentário sobre “Embalagem de alumínio garante aroma e sabor do café

  1. Marcos freire disse:

    Gostaria de saber se vcs faz embalagem de cafe . qual.quantidade minima . estou começando e.quero fazer poucas por enquanto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *