VANTAGENS DA EMBALAGEM DE ALUMÍNIO

As embalagens devem oferecer a proteção necessária para cada tipo de produto. Para conservar suas características, aumentar sua vida útil e garantir o consumo seguro, as embalagens devem proporcionar barreira contra umidade, oxigênio e ação da luz.

Essas propriedades são garantidas com a aplicação do alumínio, que está presente em diferentes embalagens de produtos farmacêuticos e químicos, cosméticos, de higiene e limpeza, de bebidas e produtos alimentícios.

As barreiras contra fatores externos, leveza, durabilidade, resistência à oxidação, maleabilidade e o fato de ser infinitamente 100% reciclável fazem com que a indústria de embalagem seja a maior consumidora do metal no mundo.

O alumínio é empregado na forma de folhas, para a fabricação de embalagens flexíveis e descartáveis; e em chapas, para a fabricação de aerossóis e latas para bebidas e alimentos.

Em 2014, o consumo de alumínio pela indústria de embalagens foi de 476 mil toneladas, o que corresponde a 33% do total de alumínio transformado destinado ao mercado interno. Desse total, foram consumidas 401 mil toneladas de chapas e 74 mil toneladas de folhas de alumínio.

 

principais destaques

BARREIRA DE PROTEÇÃO

Preserva as características e aumenta a vida do produto embalado, sem necessidade de refrigeração, em casos de alimentos e bebidas.

VERSATILIDADE

Leve, resistente e maleável, o alumínio permite a fabricação de embalagens para os mais variados produtos. Em formatos diversos, minimiza a necessidade do uso de vedantes e, sem perder suas características, pode ser combinado com outros substratos flexíveis para a composição de laminados extremamente finos.

TRANSPORTE E ESPAÇO

A leveza e o formato plano ou em rolo das embalagens facilitam o transporte para o local de envase. No ponto de venda, os diferentes formatos oferecem praticidade aos processos de armazenamento e exposição. Além da embalagem reduzir o custo com energia, uma vez que preserva o produto por longos períodos sem necessidade de refrigeração. 

RECICLAGEM

Sem qualquer perda de suas características, o alumínio que compõe as embalagens é 100% reciclável, com a utilização de 95% a menos de energia em relação à produção do alumínio primário. Quando combinado com outras matérias-primas, como o plástico e o papel, modernas tecnologias possibilitam a separação do alumínio para posterior reciclagem.

DESEMPENHO TÉRMICO

As embalagens de alumínio, condutor de calor, resiste a variações de temperatura, desde o ultracongelamento até a temperaturas extremas usadas para cozinhar, durante a produção e a utilização. Ao dissipar rapidamente o calor, o alumínio também é ideal para os processos com autoclave e vedação térmica.

AQUECIMENTO E COZIMENTO

Acondicionados em embalagens de alumínio, os alimentos podem ser cozidos, congelados, aquecidos e reaquecidos no forno (convencional ou elétrico), no micro-ondas ou em banho-maria.

SEM CONTAMINAÇÃO

A embalagem de alumínio impede a contaminação dos produtos por bactérias, sendo ideal para acondicionar gêneros alimentícios e medicamentos

SEGURANÇA E PROTEÇÃO

A folha de alumínio é segura para uso em contato com gêneros alimentícios. A folha de alumínio não revestida não reage com a grande maioria de alimentos. Em muitas aplicações, a folha de alumínio não entra em contato com o produto porque é laminada em associação com outros materiais. Além disso, é a proteção ideal contra a adulteração de produtos e possui recursos antifalsificação.

POTENCIAL DE CRIATIVIDADE

Com acabamento brilhante ou fosco e compatível com todas as tecnologias de impressão de alta resolução, o alumínio permite aos designers criarem embalagens com desenhos gráficos com ampla gama de possibilidades e cores diversas, valorizando a exposição do produto e a identidade da marca.