Dogma traz diferencial de cerveja na latinha

Embalagem destaca características similares a bebida espumante

A ilustração que remete a uma garrafa de espumante é o diferencial da embalagem da Hop Brut da cervejaria Dogma. A bebida, com 7,5% de teor alcoólico, seca e lupulada, tem características similares ao de um espumante.

Em latas de alumínio de 473 mililitros, a criação é do estúdio FORM em parceria com o ilustrador Caio Stolf.

No Carnaval, Vá de Lata
 com o Porta dos Fundos



Ao escolher a lata,  foliões consomem bebidas em embalagem 100% reciclável

As vantagens de consumir bebidas em latinhas de alumínio no Carnaval é tema de dois vídeos do Porta dos Fundos. A esquete se passa em um bloco de Carnaval e a lata, interpretada por Rafael Infante, se mostra muito mais “atraente e sedutora” do que a garrafa de vidro, interpretada por Pedro Benevides, o Bené.

O roteiro foi criado baseado no fato de que a embalagem de alumínio é a mais reciclada do Brasil, com uma taxa de reciclagem de 97,3% no país, enquanto a garrafa tem um índice de cerca de 47%. Entre muitos motivos está o valor da sucata do alumínio ser 26 vezes maior que a do vidro, o que faz com que a lata, inclusive, subsidie a coleta de outros materiais.

Os vídeos fazem parte da campanha Quem curte natureza e diversão cai na folia de latinha na mão do movimento Vá de Lata criado pela Ball, fabricante de latas de alumínio, que tem o objetivo de divulgar os diferenciais da embalagem mais amiga do meio ambiente: as latinhas de alumínio.

“O nosso objetivo é aproveitar o momento do Carnaval, em que o consumo de lata aumenta, para propor uma reflexão sobre escolhas sustentáveis. Optando pela lata, o público consome a bebida preferida em uma embalagem 100% e infinitamente reciclável e que, se descartada corretamente, volta ao mercado em apenas 60 dias. Esse fato, inclusive, foi o que deu origem a uma das frases da campanha: “Me dá um amasso que eu volto em 60 dias”, explica Thais Moraes, gerente de comunicação da Ball América do Sul.

Colorado lança novo formato de lata no mercado de cerveja

Com produção 100% nacional, latinha de alumínio de 410 ml traz revestimento especial

Com volume inédito no País, 410 mililitros, a nova lata de alumínio da cerveja Appia, formato X-Sleek, inova por não ser tão fina como a Sleek e nem tão larga como Standard. A novidade foi desenvolvida pela Ball Embalagens para Bebidas América do Sul, com exclusividade para a marca Colorado.

img-int-mat-colorado-410ml-jan2019O formato, diferente de todos existentes no mercado mundial, conta ainda com revestimento especial em HD (impressão High Definition) e aplicação de verniz fosco no rótulo, para atender à expectativa de um produto premium.

Segundo Claudemir Coelho, diretor de engenharia da Ball, a proposta do X-Sleek 410 ml é uma criação 100% brasileira. “O projeto foi todo desenvolvido no País, em nossa fábrica de Pouso Alegre (MG). Os equipamentos foram adaptados para a nova produção e diversos testes foram realizados. A partir daí, produzimos 50 amostras iniciais. A inovação foi então oferecida com exclusividade ao nosso cliente que ficou encantado com a proposta e embarcou de cabeça no projeto”, explica.

A novidade deve ampliar a adoção de latas de alumínio pela indústria de bebidas, o que favorece o constante aumento de volume de latinhas recicladas no País. Em 2018, 97,3% das embalagens de alumínio para bebidas retornaram para o ciclo produtivo, fazendo com que o País mantivesse a posição de liderança mundial. Devido às propriedades do alumínio (100% reciclável) e ao contínuo desenvolvimento do processo de reciclagem, em até 60 dias as embalagens são coletadas, recicladas e novas latas chegam aos pontos de venda.

Latas de alumínio ganham as cores da seleção brasileira

Em ritmo de Copa do Mundo, embalagem de guaraná de 350 ml ganha novo visual para atrair torcedores

As latinhas de alumínio do Guaraná Antarctica ganharam novas cores para acompanhar o clima da Copa do Mundo. Em edição limitada, a novidade chega em quatro versões das embalagens de 350 mililitros, nas cores verde, amarela, azul e branca (para o guaraná zero).

O diferencial que destacará o produto nas gôndolas dos supermercados faz parte da campanha Tudo Pela Seleção, lançada pela marca por conta do mundial de futebol da Fifa. A marca é patrocinadora da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) desde 2002.

Coca-Cola usa latinhas para fãs prestigiarem ídolos da música

Alguns dos rostos mais conhecidos estampam latas de alumínio da marca, em campanha que vai apontar os mais populares do país

A Coca-Cola mostrou mais uma vez como são muitas e diversas as possibilidades promocionais proporcionadas pelas latas de alumínio. Em uma campanha que promete chamar muita atenção, a marca usará as embalagens para promover uma competição entre alguns dos mais famosos artistas do Brasil.

Os rostos de Anitta, Luan Santana, Ludmilla, Pabllo Vittar, Projota, Simone & Simaria, Solange Almeida, Thiaguinho e Valesca estampam as latas de Coca-Cola e Coca-Cola Zero Açúcar. Cada imagem vem acompanhada de uma expressão relacionada com o artista.

Para mobilizar seus consumidores, a marca propõe que os fãs escolham três artistas para compor um feat, ou seja, realizar um trabalho em parceria.

A logística da votação é simples: cada lata é um voto. Não bastará, porém, comprar a lata: ao fazê-lo, o consumidor precisará fazer um cadastro no site da campanha (www.coca-cola.fm) e enviar foto da nota fiscal de compra da embalagem.

“Consumidores vão prestigiar seus ídolos
estampados nas latinhas”

Além de torcer por seus artistas favoritos, o consumidor que votar terá o privilégio de receber em primeira mão o resultado final da competição: uma música inédita e um videoclipe. Os 100 que mais votarem em cada artista vencedor ainda ganharão ingressos, com direito a acompanhante, para assistir a um show que reunirá os artistas participantes da campanha.

Já os 10 mais engajados de cada artista poderão assistir à gravação do clipe e encontrar pessoalmente o ídolo no dia do show. As latinhas promocionais já começaram a chegar ao mercado e a campanha começa oficialmente no dia 26 de dezembro, quando terá início a contagem dos votos.

Nova tecnologia aperfeiçoa aplicação de efeito matte em latas para bebidas

Combinação com elementos lustrosos origina design multifacetado em latas de alumínio

O chamado efeito matte, que proporciona um acabamento opaco às embalagens, sempre foi de difícil aplicação em superfícies metálicas. Porém, a Ardagh Group, empresa presente em dezenas de países, desenvolveu uma tecnologia que promete resolver esse problema.

O“Matte & Mirror Impact” é capaz de aperfeiçoar a utilização desse efeito em latas para bebidas. Com o novo composto, qualquer cor pode ser aplicada na embalagem. De acordo com a empresa, a superfície brilhante da lata, ao receber o composto, passa a refletir a luminosidade de uma maneira diferente, o que origina o “efeito Matte”.

“Solução facilita aplicação de acabamento
opaco em latinhas de alumínio”

“Comparada com as latas que usam apenas o matte, essa nova solução cria uma superfície multifacetada”, explica Werner Noll, gerente de impressões da Ardagh Group. Ele diz que o uso do matte em embalagens vem crescendo na medida em que mais empresas buscam esse tipo de efeito, mas, ao contrário de superfícies de papel e papelão, aplicá-lo em latas de bebidas se mostra mais complicado especialmente em conjunto com elementos lustrosos.

“Esse novo tipo de finalização irá incrementar a comunicação das marcas com os consumidores”, acredita Dirk Schwung, diretor de vendas da Ardagh Group. “As áreas com matte e as áreas lustrosas da superfície permitem o uso de elementos específicos de design como logotipos, mensagens promocionais e ícones da marca. Eles podem ser facilmente destacados e atrair a atenção dos consumidores nos pontos de venda.”

A nova tecnologia estará disponível a partir de 2018.

Impressão customizada favorece marketing da indústria de bebidas

Tecnologia permite impressão simultânea de 24 tipos de arte em mesmo lote de latinhas de alumínio

Os lançamentos de campanhas de latas de alumínio customizadas fazem parte das estratégias de marketing da indústria de cervejas e refrigerantes, para oferecer um diferencial entre os concorrentes que dividem o mesmo espaço nas gôndolas dos supermercados.

Entre os mais recentes está a campanha  “Fala na Lata Kaiser”, que desde janeiro traz 14 frases diferentes nos rótulos da cerveja da marca e ainda interage com o consumidor, que pode personalizar uma lata virtual com sua própria frase e enviá-la a amigos via redes sociais.

As opções de rótulos que dialogam com o consumidor foram ampliadas graças ao desenvolvimento tecnológico do processo de impressão. “O projeto original das impressoras, criado há 50 anos,  foi concebido para permitir a produção de uma única arte na lata. Isso dificultava atender os projetos inovadores dos clientes que desejavam colocar no mercado lotes de latas com múltiplas artes“, explica João André Villas-Boas, supervisor de Desenvolvimento de Rótulos, da fabricante de latas de alumínio Ball.

“Rótulos com frases e imagens personalizadas ampliam opções de campanhas que dialogam com o consumidor”

Com a tecnologia Dynamark, desenvolvida pela Ball, num mesmo lote de latas podem ser impressas 24 frases e imagens diferentes simultaneamente. De acordo com Villas-Boas, no processo tradicional, a criação dos rótulos era limitada.  “No máximo, havia duas ou três artes, e a única opção era fazer lotes inteiros da primeira arte, depois outro da segunda e, por fim, da terceira. A exceção era quando tínhamos duas impressoras imprimindo na mesma linha de produção, isso fazia com que pudéssemos fazer duas artes de forma simultânea”, explica Villas-Boas.

De acordo com o supervisor, hoje as variedades gráficas dos rótulos são infinitas, que contam com o diferencial das latas de alumínio. “Acredito que ainda não exploramos todo o potencial dessa tecnologia. Diferente de outras embalagens para bebidas, a lata pode ser impressa em toda a sua superfície, em 360 ͦ, e isso oferece um vasto campo a ser explorado”, conclui.