A arte da coquetelaria em lata formato sleek

Gim tônica em embalagem de alumínio oferece sabor, praticidade e incentivo à reciclagem

A arte da coquetelaria está mais acessível. O tradicional gim tônica agora pode ser consumido em diversas ocasiões, eventos, em casa ou na praia. Basta abrir a latinha de alumínio e saborear o drink gelado. A nova bebida, a Ginta, promete facilitar o acesso aos destilados.

Desenvolvida por um grupo de quatro amigos da zona sul do Rio de Janeiro, a linha de produtos chega ao mercado em três versões: Clássico (limão siciliano, laranja e tangerina), Berries (romã, açaí, morango, cranberry e amora) e Ginger (mel e gengibre). Pronta para ser consumida, a receita desenvolvida mistura gim artesanal e tônicas aromatizadas naturalmente.

“Além da facilidade de transporte e praticidade,
a latinha é 100% reciclável”

Após estudo de mercado, os sócios entenderam que a lata é a embalagem que mais se encaixa aos valores da marca. (duplo espaço) Além da facilidade de transporte e praticidade, a latinha é 100% reciclável e, se descartada corretamente, volta ao mercado em apenas 60 dias. É a embalagem mais reciclada do País, com uma taxa de 97,3%, enquanto PET e vidro seguem com 59% e 47%, respectivamente.

No tamanho ideal para um drink gelado, a latinha de formato 269ml sleek, foi produzida pela Ball. Segundo Hugo Magalhães, gerente de Marketing e Novos Negócios da Ball Embalagens para Bebidas América do Sul, a embalagem foi escolhida para gerar a melhor experiência de consumo ao público.

“A Ball vem conectando suas expertises e realizando testes para designar o formato de lata correto para cada bebida. Acreditamos que um produto de qualidade, na embalagem certa, na dose certa e atendendo a ocasião de consumo a que se propõe, tem tudo para ser um sucesso para o consumidor”, avalia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *